GOB-MG | Divulgação da Obra “Igualdade, Liberdade e Fraternidade”

GOB-MG | Divulgação da Obra “Igualdade, Liberdade e Fraternidade”

 

Trazemos como novidade o lançamento da obra de Direito Público – Liberdade, Igualdade e Fraternidade visto por Maçons e Demolays, que tendo como organizadores nossos Irmãos Gregore Moura e Daniel Eisaqui, teve também o texto de apresentação feito pelo Eminente Irmão Cléscio César Galvão, Grão-mestre Estadual do GOB-MG.

 

 

Para adquirir o livro e saber mais sobre a obra, segue o link de apresentação de venda.

https://www.editoradplacido.com.br/direito-publico-liberdade-igualdade-e-fraternidade-visto-por-macons-e-demolays

 

Leia o texto de apresentação do Eminente Grão-mestre para a obra

 

APRESENTAÇÃO

A maçonaria se apresenta como uma entidade essencialmente iniciática, filosófica, progressista e evolucionista, cujos fins supremos são: Liberdade, Igualdade e Fraternidade.

Pelo título já constatamos a profundidade da presente obra, que nos brinda com uma abordagem do Direito Público, sob a ótica dos postulados maçônicos e em especial, sob a lavra da autoria de Maçons e também de integrantes da Ordem Demolay, a maior organização mundial voltada para o público juvenil.

A Maçonaria não é inimiga de nenhum governo, se são justos e sempre laborou para a consolidação do regime democrático e fortalecimento das instituições públicas. A história do Brasil consagra em seus anais inúmeros serviços prestados pela Maçonaria, sendo que nos permitimos registrar, a título de exemplos, sua ativa participação na Independência, na Abolição da Escravatura e na Proclamação da República, fruto de seu compromisso com os ideais da coisa pública. Vale aqui registrar que dos quadros da Ordem Maçônica saíram inúmeros Presidentes da República, além de várias outras autoridades públicas, que ajudaram e ajudam a construir nossa história.

Honrados com o convite para grafar essas linhas de apresentação desta importante obra, não só pelo seu objeto, mas também pela sua abordagem e curriculum de seus autores, nos exultamos de satisfação.

Nossa satisfação se funda no fato de acreditarmos que somente pela educação e conhecimento poderemos levar nosso país a um crescimento sustentável e elevá-lo a parâmetros sociais de primeiro mundo. Tudo que se refere à educação nos anima e a base de tudo passa pela produção de conhecimento, a exemplo desta obra.

Os organizadores, Dr. Grégore Moreira de Moura e Dr. Daniel Dela Coleta Eisaqui, apesar de jovens são ativos e profícuos profissionais do direito, como também, não são estreantes na literatura jurídica, já nos tendo brindado com várias obras e artigos ligados à área, demonstrando seu saber jurídico, defendendo suas convicções com embasamento e conhecimento.

Ver jovens maçons com esse engajamento, que certamente é fruto da forja de nossos princípios, bem como, poder sentir sua paixão para com a coisa pública, nos alegra e motiva, pois essa semente germinará e produzirá bons frutos da conscientização coletiva, frente ao tema proposto.

Também como espelho desse sentimento de certeza de um futuro promissor para nosso país, é ter nesta obra, na condição de autores, os jovens Demolays, que apesar da tenra idade já foram contaminados pelo que denominamos de basilum da retidão de propósitos, que deveria contaminar a todo o povo brasileiro.

Somente com o fortalecimento dos ideais públicos poderemos conduzir essa grandiosa nação ao progresso sustentável e com imediato reflexo para seu povo, com o afastamento das mazelas afetas à malversação dos recursos públicos.

A amplitude dos diversos temas abordados afetos ao Direito Público e a concepção dos autores e sua análise sob a ótica da principiologia maçônica, nos dão a certeza da primazia desta obra, nos cabendo finalizar reverenciando seus idealizadores pela iniciativa e concitando-os a perseverança na seara constante da produção de conhecimento.

Boa leitura a todos e que absorvam os conhecimentos aqui insculpidos.

Fraternalmente

 

Cléscio Galvão – Grão Mestre do Grande Oriente do Brasil – Minas Gerais

Advogado militante